Vítima de atirador de Goiânia está em estado grave e respira por aparelhos

Três adolescentes seguem internados no Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO) após terem sido baleados por um colega de classe na manhã de sexta-feira (20), em Goiânia. Segundo informações da instituição, uma das vítimas, uma garota de 14 anos, está em estado grave e permanece sedada e respirando com o auxílio de aparelhos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Outra garota está internada no Hospital de Acidentados de Goiânia, que não obteve autorização para divulgar o estado de saúde, e dois adolescentes estão internados no Hugo em estado regular.

Um garoto e uma garota, ambos com 13 anos, eles estão conscientes e respiram sem o auxílio de aparelhos. Os quatro adolescentes foram baleados por um colega de 14 anos dentro da sala de aula na escola Colégio Goyases. Filho de policiais militares, ele usou a arma da mãe, levada à escola particular escondida dentro de uma mochila. Segundo a Polícia Civil, o rapaz sofria bullying e o crime foi premeditado. O jovem realizou os disparos dentro da classe, em um intervalo entre aulas, e foi imobilizado por uma coordenadora e por colegas quando tentava recarregar a arma. BN

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta