Cassilândia Exclusivo: Sequestro de motorista seguido de tentativa de roubo de combustível acaba em cadeia no Restaurante Gramadão

A reportagem do Cassilândia Urgente foi informada nesta noite de quinta-feira, 13 de junho, que houve um sequestro de motorista de uma carreta tanque rodotrem, de cor vermelha, marca Iveco, aqui em Cassilândia, por volta das 9h de hoje (ontem).

Conforme informações extra-oficiais, a Polícia Rodoviária Federal prendeu um homem acusado do sequestro do motorista, por volta das 18h.

A prisão ocorreu no Restaurante Gramadão, na saída para Paranaíba, onde o acusado tentou se safar após se esconder, inicialmente, no lavador de carros no fundo do posto de combustíveis.

De acordo com essas informações, confirmadas por várias testemunhas, o motorista da carreta rodotrem havia sido vítima de três homens que estavam num veículo de passeio.

As informações dão conta que o acusado foi preso em flagrante por agentes da PRF e o motorista vítima passou mal na hora, sofrendo uma espécie de choque traumático, mas se recuperou logo em seguida.

A carreta rodotrem saiu de Santos, Estado de São Paulo, com destino a Rondonópolis, Mato Grosso.

Como tudo aconteceu

A cerca de 30 quilômetros de Cassilândia, possivelmente perto da entrada da Lagoa Santa, na BR-158, a carreta rodotrem quebrou e o motorista estava deitado sob o veículo para fazer o conserto. 

Logo depois, por volta das 9h da manhã desta quinta-feira, surgiram três elementos, sendo que o primeiro estava com revólver, anunciando o sequestro.

O motorista foi colocado no porta-malas do veículo dos três sequestradores e passou praticamente o dia todo trancado, pois os elemenos foram atrás de socorro para consertar a carreta, tendo em vista que a intenção era roubar o óleo do tanque duplo.

Feito o conserto da carreta, os sequestradores e a vítima chegaram até o posto de combustíveis da entrada da cidade quando a vítima conseguiu escapar dos sequestradores e avisar os policiais rodoviários federais que efetuaram a prisão de um deles, enquanto os outros dois conseguiram fugir.

De acordo com informações, os sequestradores haviam decidido pousar em Cassilândia, pois a carreta rodotrem possui bloqueio automático que trava o sistema, não podendo viajar após as 18h.

O motorista da carreta sobreviveu como refém durante aproximadamente nove horas, tendo sua integridade física e emocional sob ameaça e risco a todo instante.

O lado irônico da história é que os sequestradores pagaram a despesa do conserto da carreta com a intenção de roubar o combustível.

Mas felizmente a PRF estava na hora certa e no local certo, frustrando o sequestro e o roubo.

Voltaremos a qualquer momento com novas informações. Da redação e reportagem local do Cassilândia Urgente

Imagem da carreta conduzida pela vítima
Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *