Polícia trabalha com hipótese de acidente em morte do adolescente

Delegado explica que não é possível determinar causa sem laudo pericial

O inquérito que investiga a morte de Delbert Cruz Nascimento, 13 anos, encontrado no córrego Imbirussu, no bairro Silvia Regina, trabalhará inicialmente com indício de morte acidental.

A informação foi divulgada pelo delegado responsável pelo caso, Gomides Ferreira dos Santos Neto, adjunto da 7ª Delegacia de Polícia Civil. 

“É prematuro determinar a causa, pois, ainda temos que ouvir testemunhas e obter o laudo pericial. Entretanto, o único indício verificado após irmos ao local onde a vítima foi encontrada, é de que o garoto poderia ter escorregado e batido a cabeça, motivo que levou ao afogamento”, esclareceu.

SOBRE O CASO

O corpo de Delbert Cruz Nascimento, 13 anos, foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros, no início da tarde de sexta-feira (4), no córrego Imbirussu, região do bairro Silvia Regina. Os familiares e vizinhos da vítima encontraram a mochila e roupas, próximo ao córrego, durante buscas realizadas desde o início da manhã.

Segundo familiares, o garoto era tranquilo e não tinha hábito de sair de casa sem companhia, a não ser para ir para escola e o treino de voleibol. Ontem (3), Delbert saiu de casa por volta das 16h30 para o treinamento esportivo e não voltou.

Os familiares entraram em contato com o professor responsável e ele confirmou que o adolescente não foi ao treino na quinta-feira. Correio do Estado

 

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta