Acusado de assassinar produtor rural e capataz é preso

Sanabria é acusado de vários crimes ‘encomendados’ no Mato Grosso do Sul – Foto: ABC Color

A Polícia brasileira prendeu no sábado (5) o acusado de matar o produtor rural Luis Brunetta, 62 anos, e seu capataz, Ricardo Díaz Campos, 63 anos, no dia 19 de abril, em propriedade localizada em Ponta Porã, há 30 quilômetros da fronteira com o Paraguai.

Trata-se de Adalberto Sanabria, 45 anos. Ele já é procurado pela justiça brasileira há mais de 20 anos, apontado como pistoleiro a serviço da organização criminosa Comando Vermelho (CV) e Primeiro Grupo Catarinense (PGC).

Conforme apuração do site ABC Color, Sanabria é acusado de uma série de homicídios comissionados em Mato Grosso do Sul.

De acordo com uma fonte policial brasileira, com a prisão de Adalberto Sanabria uma série de assassinatos pode ser elucidada. Essas mortes que estão sob investigação ocorrerão em Pedro Juan Caballero (Paraguai), bem como em Dourados, Campo Grande e Ponta Porã. Correio do Estado

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta