Mulher relata agressão, é desmentida por homem e muda a versão dos fatos

E. P. de O., 41 anos, foi acusado por E. D. G. R., 45 anos, de cometer crime de lesão corporal culposa na rua São João, Vila Pernambuco, em Cassilândia (MS). O fato teria ocorrido no fim da tarde do dia 29 de abril.

Conforme boletim de ocorrência, a vítima, primeiro, relatou que estava na residência de parentes e que ocorreu um desentendimento por causa de um aparelho de celular.

Em sua primeira versão, ela disse que o suspeito havia tomado o aparelho das mãos da vítima, que teria a pegado pelo braço e a empurrado no chão. E que isso causou escoriação no cotovelo e perna esquerda.

Ela relatou que ele havia puxado seus cabelos anteriormente e se apropriado de seu aparelho celular e chip.

Outra versão – O suspeito alega que houve apenas discussão entre eles. Disse que tentou sair da residência e ele foi impedido pela mulher, e que ela inclusive, segurou-o pela camisa. Após se livrar, ele subiu em uma motocicleta e tentou sair. A mulher, no entanto, começou a segurar a moto. O casal começou a trocar empurrões. Em certo momento, a motocicleta quase caiu. Disse que com esses empurrões, a vítima veio a cair no chão, causando as escoriações.

Ao ser ouvida novamente, ela confirmou a versão do homem. E pediu por várias vezes, para que ele não fosse preso. Cassilândia Notícias

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta