Juiz decreta prisão preventiva de assaltante que matou trabalhador em Campo Grande

Autor foi preso ontem em ação da Polícia Militar. – Foto: Gerson de Oliveira

Durante audiência de custódia na manhã desta terça-feira, o juiz Alexandre Correa Leite decretou a prisão preventiva de Alexandre Moreira de Moraes,  de 23 anos, preso em flagrante pela Polícia Militar por matar com facada no pescoço o auxiliar de pedreiro Antônio Marcos Rodrigues de Souza, de 34 anos. O autor responde por latrocínio, que é roubo seguido de morte.

Conforme noticiado, o crime aconteceu no início da manhã de ontem, na Avenida Mato Grosso, entre a Avenida Calógeras e a Rua dos Ferroviários, e foi presenciado pelo pai da vítima e outras testemunhas. Ao tentar ajudar uma adolescente que estava sendo roubada por Alexandre, Marcos levou a facada e morreu no local, antes da chegada do socorro.

Alexandre fugiu após o crime e várias equipes da PM, com apoio da Polícia Civil, inciaram busca nas imediações da Orla Ferroviária, com apoio de motos e do helicóptero da Coordenadoria Geral de Policiamento Aéreo (CGPA). Apesar dos esforços naquele momento, Alexandre foi encontrado somente à tarde, escondido na residência de um conhecido, no Jardim das Mansões.

Ele confessou os fatos e disse que se preparava para fugir. Sem resistir à prisão, retornou ao local do crime com a polícia para procurar a faca utilizada, mas o objeto não foi encontrado. Alexandre é usuário de drogas e vive na rua. Ele já havia sido preso outras vezes por furtos na região central. No início do ano, esteve entre os centenas de desabrigados cadastrados pela Polícia Civil em ação com apoio da Prefeitura, tanto que, por este cadastro foi possível identificá-lo. Correio do Estado

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta